Criei esse espaço a fim de divulgar o trabalho que realizo no Ministério Infantil, a minha grande paixão.
Espero que possa ser um canal de comunicação entre diversos educadores cristãos, onde poderemos compartilhar Idéias e sugestões para a realização de um trabalho de qualidade com nossas crianças.
Faço minhas as palavras de Charles Spurgeon: "Que nenhum homem despreze as crianças ou pense que são insignificantes. Eu reivindico o lugar da frente para elas. Elas são o futuro do mundo. O passado já se foi e não podemos alterá-lo. Até mesmo o presente já se foi à medida que o vivemos. Nossa esperança está no futuro; portanto abra espaço para as crianças, abra caminho para os meninos e meninas"

terça-feira, 21 de setembro de 2010

A verdadeira História de Cosme e Damião

Queridos Irmãos,
Está se aproximanado o dia 27 de setembro e precisamos alertar nossas crianças sobre a distribuição de doces de Cosme e Damião.
Esta é uma peça que pode ser feita com fantoche ou encenada.
Uma história que pode ser utilizada também é a de Daniel e seus amigos, que não comeram dos majares do REi.

Quem foram os irmãos Cosme e Damião?


Foi numa tarde bem bonita do dia 27 de setembro, que Leandro recebeu a visita do seu amigo Juninho. Ele veio convida-lo para juntos apanharem saquinhos de doces de “Cosme e Damião”.
- Juninho, você sabe que eu gosto de sair com você, mas, pegar doces de Cosme e Damião, eu não vou.
- Ué, você tem alguma coisa contra Cosme e Damião?
- Bem, é claro que não! Eles eram seguidores de Jesus Cristo, assim como eu sou. Você sabia Juninho?
- Pra falar a verdade, não.
- Então posso contar só um pouco da vida deles?
- Claro que sim, você me deixou curioso. Pode contar!
- Eles nasceram na Arábia no terceiro século depois de Cristo, eram gêmeos e seus pais eram crentes em Jesus. Quando cresceram, foram estudar num lugar chamado Síria, e lá se tornaram médicos. Mas eles tinham um apelido muito interessante: “ANARGIROS”.
- O que isto significa?
- Quer dizer, “INIMIGOS DO DINHEIRO”, pois eles não cobravam nada, nenhum centavo pelo trabalho deles.
- Já que eles trabalhavam de graça, começaram a ser conhecidos atraindo assim muita gente para ouvir a mensagem que eles pregavam sobre o Salvador Jesus Cristo, nosso Senhor.
Tem mais!
Havia um homem muito mau que odiava os que eram cristãos.

O nome dele era Diocleciano, imperador romano.

Esse homem perverso, mandou para a cidade de Egéia, aonde estavam Cosme e Damião, um representante de nome Lísias. Então, sob o comando dele, começaram a torturar Cosme e Damião. Finalmente, depois de tortura-los... cortaram suas cabeças. Desse modo eles foram mortos no ano 283 depois de Cristo.
- Que coisa triste!
Mas, eles foram mortos só porque trabalhavam de graça como médicos?
- Não, Juninho, não foi isso. O motivo foi outro! Vou lhe contar:
Diocleciano, o Imperador Romano, odiava os cristãos porque eles eram fiéis a Jesus Cristo e não adoravam os ídolos fabricados por mãos humanas. Lísias mandou que eles adorassem ou se ajoelhassem diante diante de algumas imagens. Porém como seguidores de Jesus, nunca poderiam fazer isso.

A Bíblia diz:

"Não farás para ti imagens de escultura, nem figura alguma do que há em cima no céu, nem em baixo na terra, nem nas águas debaixo da terra. Não te encurvarás diante delas, nem as servirás, porque eu o Senhor teu deus, sou Deus zeloso...” Êxodo 20:4-5.

Foi então por obedecerem as ordens de Deus e não se encurvarem ou rezarem às imagens que eles morreram.

- Agora eu fiquei confuso, Leandro.
- Por que Juninho?
- É que lá em casa tem IMAGENS de São Cosme e São Damião. E minha mãe sempre ensina a gente a rezar pedindo a proteção a eles.
- E você acha que isso é certo? Você acha que Cosme e Damião se ajoelhariam ou rezariam para uma imagem pedindo proteção ou ajuda?
- Eu acho que não! Eles morreram justamente por não fazer o que eu e minha família fazemos.
- Como você acha que eles se sentiriam vendo vocês fazendo isso?
- Acho que ficariam tristes.
- E quem mais ficaria triste?
- Será que JESUS CRISTO também ficaria triste!?
- Isso mesmo Juninho!
Pois foi Jesus quem falou:

“Eu sou o caminho e a verdade, e a vida. Ninguém vem ao pai, senão por mim.” (João 14:6)

Portanto não adianta pedir nada a Cosme e Damião, a São João, São Paulo, Santa Maria ou outro “santo” qualquer.

Devemos buscar somente a JESUS, o FILHO DE DEUS.

Foi Ele que morreu por nós numa cruz, ressuscitou ao terceiro dia e hoje roga a DEUS por nós. ( I Timóteo 2:5; I João 2:1)
- Isso quer dizer que comer doces de Cosme e Damião está errado?
- Bem, Juninho, gosto muito de doce. Se eu quiser comer, compro um. Eu não como os doces de Cosme e Damião, porque quem distribui doces nesse dia faz isso porque fez promessas a eles.
E você sabia que esses doces são oferecidos aos “santos”, em algum terreiro de macumba ou centro espírita como pagamento de promessas?

E se eu comer estarei apoiando e concordando com o erro deles.
A Bíblia diz que não pode haver amizade entre luz e escuridão, nem entre Jesus e o diabo. (II Coríntios 6:14-16)

E, a Bíblia diz mais:

“DEUS É LUZ E NELE NÃO HÁ TREVAS NENHUMA”.

Além disso, esses que parecem ser “santos” nos terreiros ou centros, são na realidade demônios (ajudantes do diabo) que estão enganando tais pessoas. (I Coríntios 10:19-21)
Viu, porque não como os doces, balas e salgados de Cosme e Damião?
Pois a Bíblia diz em Romanos 10:11 que aquele que crê em JESUS nunca fica confundido ou em dúvidas nesse assunto.
- Agora entendi! Não vou mais atrás desses doces. Gostei da verdadeira história de Cosme e Damião, e quero saber mais de Jesus.
- Que bom você tomar esta decisão agora !
- Conte-me Leandro, onde você conseguiu estas informações?
- Minha mãe fez a pesquisa na Enciclopédia Universal Ilustrada Europeo-Americana (Volume 15, págs. 1140-1142)
- Que bom! Mas o melhor foi saber que Jesus é o Filho de Deus, amigo das crianças e Salvador dos que crêem nele.
Extraído: APEC – Aliança Pró Evangelização das Crianças

segunda-feira, 20 de setembro de 2010

Pregação na Assembléia de Deus Congregação de Vila Jardim II

Tema: Salmos 68:4
"Cantai a DEus, Cantais louvores ao seu nome, louvai Aquele que vem sobre os céus"


História: Sadraque, Mesaque e Abnego na fornalha, os homens que não se curvaram ante a estátua.

Crianças assumindo o compromisso de serem verdadeiros adoradores.

Minhas auxiliares, as pequenas adoradoras.



sexta-feira, 17 de setembro de 2010

Por que contar história?


Contar histórias é um meio muito eficiente de transmitir uma idéia, de levar novos conhecimentos e ensinamentos. É um meio de resgatar a memória. Todo bom contador de histórias deve ser também um bom ouvinte de si mesmo, do mundo e de outras pessoas. O contador deve ser sensível para ouvir e falar. Contar simplesmente porque gosta de contar. O narrador deve estar ciente de que o importante é a história.

As crianças gostam de ouvir seus avôs, pais, etc. contando histórias bíblicas, de fadas, da vida deles mesmos e de quando eram crianças. É preciso fazer uma seleção do que contar, levando-se em conta o interesse do ouvinte, a sua faixa etária e a lição que quer trazer ao ouvinte. Alguns pontos precisam ser considerados em cada faixa etária:

• 3 a 4 anos – idade do fascínio: Os textos devem ser curtos e atraentes, pode-se usar gravuras de preferência grandes. Histórias que tenham bichos, brinquedos e objetos e usem expressões repetitivas.

• 5 a 6 anos – idade realista: Histórias da vida real, falando do lar etc. Os textos devem ser curtos e ter muita ação, o enredo deve ser simples. Até os 6 anos a criança gosta de ouvir a mesma história várias vezes.

• 7 a 9 anos – idade fantástica: Gosta de histórias de personagens que possuem poder, histórias de aventuras, humorísticas e vinculadas à realidade.

• 10 a 12 anos – idade heróica: Narrativas de viagens, explorações, relatos históricos e preocupação com os outros e fábulas.

Como trabalhar uma história?

• Selecionar – Procurar dentro daquilo que se quer ensinar ou de acordo com o contexto da aula que será dada; pesquisar até encontrar algo que toque o contador de maneira especial. Se for uma história que já veio no material, leia várias vezes buscando encontrar nela algo especial que toque o contador, porque é só assim que ela será transmitida autenticamente ao público.

• Recriar – Não se deve pegar uma história e contá-la como vem escrita, é preciso passá-la para a linguagem oral. Saiba contar a história e não apenas decorá-la.

• Ensaiar– não se deve repetir nem exagerar nos gestos e movimentos. A voz deve ser aquecida para garantir um tom adequado; O olhar deve ser dirigido para todos os lados e para todos os ouvintes; Corrigir os vícios de linguagem, tais como: então, né, daí e outros.

• Estrutura – deve seguir estas quatro fases:

1. Introdução: deve ser rápida, interessante apresentando os personagens sem divagação. Ex: há muito tempo, era uma vez…

2. Desenvolvimento: são contados os fatos essenciais com bastante ação.

3. Clímax: ponto de maior emoção da história.

4. Conclusão: Aqui você deve ter maior atenção, pois na conclusão é que transmitimos a lição, o ensinamento para quem ouve.

A preparação do ambiente é necessária?

A preparação do ambiente é muito importante. Se o contador está numa sala de aula, deve fazer algo que mostre que naquele momento será contada uma história, chamando assim a atenção dos ouvintes para o momento. Como? Usando um objeto sobre a mesa ou um lenço jogado no ombro etc. O contador deve se prevenir contra ruídos e interrupções. Enfim, encontrar uma posição agradável.

Quais são os elementos necessários para se contar uma história?

Os seguintes elementos são fundamentais na contação de histórias:

• Emoção – O contador deve gostar do que faz e do que vai contar; deve antes navegar na história para depois transmiti-la.

• Expressão – é muito importante, o olhar deve transmitir o que está sendo falado, daí a importância de olhar para todos os ouvintes. Você pode se expressar durante a história com música, barulhos de objetos, com o corpo, tudo que deixe a história mais atrativa, mas sem exageros.

• Improvisação – Caso o contador se esqueça de uma parte da história, deve encontrar um modo de continuá-la, por isso a importância de saber o esqueleto da história e não decorá-la.

• Espontaneidade – O conhecimento da história oferece ao contador segurança, naturalidade, desibinição e espontaneidade para a contação.

• Credibilidade – O contador não deve denunciar o seu erro.

• Voz – é um elemento dramático e essencial; é o instrumento de trabalho do contador. Por isso deve observar o seguinte:

1. Altura – muito bem calculada para caracterizar os personagens.

2. Volume – é a variação entre forte e fraco, mostrando as emoções dos personagens.

3. Ritmo – é a variação de velocidade.

4. Pausa – é o silêncio no meio da fala, para dar o clima de suspense, mas não pode comprometer o significado das frases.

Procurar usar palavras de fácil compreensão para o público ouvinte.

Quais as formas para se apresentar uma história?

• Simples narrativa – É a mais fascinante de todas as formas, a mais antiga, tradicional e autêntica expressão do contador de histórias.

• Histórias narradas com auxílio do livro - Narrar com o livro, não ler a história. O narrador deve saber a história e vai contando com suas palavras. O livro fica aberto voltado par as crianças, à altura de seus olhos. As páginas são viradas vagarosamente para que elas possam ver as gravuras

• Com gravuras - Através delas as crianças observam detalhes que contribuem para a organização dos pensamentos e de criação.

• Com fantoches - É um convite a imaginação da criança, do jovem e do adulto. Pode-se também ensinar a criar fantoches e através dele contar cada um a sua história.

• Flanelógrafo - O personagem entra e sai de cena.

• Painéis, recortes, carimbos ou dobraduras

O recurso utilizado irá depender do número de ouvintes e do espaço físico que está disponível. Para cada situação um recurso que melhor se encaixe com o público ouvinte.

Quais atividades podem ser desenvolvidas a partir da história?

• Dramatização: após o término da história, reúna as crianças para juntos encenarem o que acabaram de ouvir.

• Trabalhos manuais: Recortes, dobraduras, colagem, pintura, atividades manuais que lembrem o que foi contado.

• Brincadeiras, jogos e atividades que complementem o ensino passado.

• Estrutura – deve seguir estas quatro fases:

1. Introdução.

2. Desenvolvimento.

3. Clímax.

4. Conclusão.

PARTES DA HISTÓRIA BÍBLICA

Introdução

· É o melhor lugar para prender o interesse da classe e o pior para perdê-lo

· É a oportunidade de prender os pensamentos e envolver a criança totalmente na história

· Deve ser breve, interessante e relacionada com a história bíblica.

Tipos de introduções:

a. Perguntas ou revisão

b. Ilustração emocionante

c. Entrada direta da lição

· Planeje a introdução depois de fazer o esboço da história

Andamento dos acontecimentos

· Uma lista dos acontecimentos importantes que se desenrolam numa seqüência ordenada

· Deve ser tirada da Bíblia

Clímax/Resultado

· O ponto alto da história onde a conclusão é clara

· O lugar onde o problema é resolvido

· Nunca deve ser revelado no começo da história

Conclusão

· Conclui a história

· Deve ser breve porque a atenção das crianças se perde rapidamente depois do clímax

FONTE: Paula Belquice - Ministério Infantil

Arvore De Baloes(A TREE)

Centoupeia De Balao(Caterpillar)

Centro De Mesa

Jardim de balao (balloon decoration)

ARCO DE FLORES COM BALOES(FLOWER ARCH)

Passo a passo Topiaria Flor ESBD

flor de 260

Passo a passo Flor de 5 pétalas ESBD

Esculturas de Balões (Balloon Sculpture) - Balloon Sculpture (Simple Bee)

Esculturas de Balões Jacaré - Balloon Sculpture Crocodiles

Esculturas de Balões (Chapéu de Cachorro) - Balloon Sculpture (Dog's hat)

Escultura de balões - Chapéu de Anteninha

Esculturas de Balões Bracelete de Macaco - Mico-leão, Sagui

Escultura de balões Ratinho - Mouse

Escultura de balões Elefantinho - Elephant

Esculturas de Balões Borboleta - Balloon Sculpture Butterfly

Esculturas de Balões Joaninha - Ladybird - Atualizado!

Esculturas de Balões (Girafa) - Balloon Sculpture (Girafa)

Escultura de balões Elefantinho - Elephant

Lions

Esculturas de Balões (Helicoptero)

escultura com balão - cachorro

Esculturas de Balões Peixe Simples - Balloon Sculpture Fish

AS DEZ BEM-AVENTURANÇAS DA ESCOLA DOMINICAL

Escola Dominical: As 10 Bem-Aventuranças





1. Bem-aventurado o aluno que não falta a Escola Dominical

2. Bem- aventurado o aluno que está à hora certa, na Escola dominical

3. Bem- aventurado o aluno que traz consigo a sua Bíblia à Escola Dominical.

4. Bem- aventurado o aluno que traz sempre a lição estudada.

5. Bem-aventurado o aluno que pratica o que aprende na Escola Dominical.

6. Bem-aventurado o aluno que dá lição prática na Escola Dominical.

7. Bem-aventurado o aluno que traz outros à Escola Dominical

8. Bem-aventurado o aluno que consagra amor à sua Escola dominical.

9. Bem-aventurado o aluno que contribui com suas ofertas para Escola dominical.

10. Bem-aventurado o aluno que ora com fervor pela Escola Dominical.

Aprenda a Fazer a Cabeça de Grama



Fonte Links de Jesus

Onde está a paz?

Teatro por Jefferson Ferreira em 01/07/2003

Inicio : _ Começa com 3 pessoas cantando uma música fala de paz. Neste momento são interrompido por um homem que está carregando uma mochila pesada que está escrito ( PECADO ).



Ele Chega correndo dizendo :



Pecador : Mentira ! Mentira ! Isto é Mentira !



Protesta ele dizendo : Não existe paz !! A paz não existe, já procurei por ela e ainda não encontrei, já perdi a esperança de encontra-la, perdi a esperança na vida pois não sinto mais vida, não resta mais vida; socorro ! socorro o que fazer ?



1ª Pessoa fala : Você precisa conhecer a nova era, os cristais, o exoterismo, a ioga, cartomancia e o horóscopo.



Pecador : Não, não é verdade, ja fiz ioga, consultei as cartas, não saio de casa sem antes consultar o horóscopo para saber tudo sobre o amor, N.º da sorte, cor e também sobre os negócios; mas foi tudo roubada. Socorro! Onde está a paz ?



2ª Pessoa : Você vai encontrar a paz nas drogas bicho ! Nas noitadas com a mulherada cara.



Pecador: Não ! Não ! Tudo isso é ilusão e mentira, os viciados não são felizes nunca vi um sequer. Já vivi todas estas coisas a procura de paz, mas só encontrei tristeza e derrota; o fundo do poço.



3ª Pessoa : Você só encontrará a paz tendo muito dinheiro, muita grana. Não importa como você vai conseguir, roube, minta, você precisa realizar o seu sonho de consumo.



Pecador : Eu não tenho mais sonho, os meus sonhos acabaram, estou certo que dinheiro não traz felicidade. Dinheiro não compra amor, paz e esperança; só resta o vão central da 3ª ponte, lá já morreram 13 pessoas no últimos 14 meses e está é única saída.



Neste momento entra em cena a 4ª pessoa vestido como uma túnica branca dizendo :



4ª Pessoa : Atenção ! Atenção ! escutem todos ! há ainda uma esperança para os problemas. Ele está vivo, Ele reina e é o mesmo de ontem, hoje e eternamente. E Ele é a verdadeira paz que você procura; e Ele diz nas sua palavras que são fieis e verdadeiras.



Pecador : de quem você está falando ? e o que ele falou ?



4º Pessoa : Ele é Jesus, o filho de Deus, o que morreu na cruz por todos nós inclusive você; e Ele disse :



" A minha paz vos dou amigo ! Mas não vos dou como o mundo à dá... A paz que tenho para tí; exede todo entendimento humano. Ela é sobrenatural."



O Pecador Grita : Eu quero está paz ! Eu quero esta paz !! Como posso Ter esta paz se sou um pecador ?



4ª Pessoa : Amigo, todos somos pecadores, más Jesus hoje está te convidando e diz :



" Vinde a mim todos que estais cansados e oprimidos; que eu os aliviarei."



Pecador : Eu quero este Jesus, Ele é a solução sim. Posso ir como estou ?



4ª Pessoa : disse Jesus :



" O que vem a mim, de maneira nenhuma o lançarei fora"



Pecador : Quero aceitar Jesus !



1ª ; 2ª ; 3ª Pessoa : Também queremos aceitar Jesus !



Perguntam todos : se aceitamos Jesus, se estamos salvos, como devemos viver ?



4ª Pessoa : Não sabeis que o vosso corpo é santuario do Espírito Santo, que habita em vós, o qual possuis da parte de Deus e que não sois de vós mesmos ? Porque fostes comprados por um bom preço: glorificai pois a Deus no vosso corpo ( 1º Cor. 6:19-20)



Todos falam juntos : Ide por todo mundo e pregai o meu evangelho a toda criatura, quem crê e for batizado será salvo.



Você crê ? obedeça e pregue



Jesus vai voltar ... Prepara-te

Coração Fedorento (infantil)

Clique Aqui e veja mais imagens



Teatro por Grupo de Teatro Atos em 02/07/2003

Esta é uma mímica destinada as crianças. Conta a estória de um garotinho que vivia muito triste, pois seu coração era fedorento, e de uma menininha feliz, porque tem seu coração cheiroso. Pode ser usada ao ar livre. Sua trilha sonora pode ser do estilo "Charlie Chaplim" no cinema mudo.



No meio da praça, um garotinho está muito triste. Em seu peito pode-se ver um coração negro. Ao contrário do Garoto, chega uma menina muito feliz que começa a brincar perto. Ela vem chupando um enorme pirulito, sorridente.



A menina joga amarelinha, corre de um lado para outro enquanto o garoto a observa triste, choramingando e desanimado. Após algum tempo a menina percebe o garoto e se aproxima. Ela vê que ele está triste e tenta anima-lo oferecendo seu pirulito para ele. Mas isso não faz com que ele fique animado.



Então a menina pega o pirulito de volta e convida-o para brincar. O garoto aceita feliz, desfaz a tristeza do rosto e sorri A menina deixa o pirulito no chão e brinca com o garoto de amarelinha. Primeiro joga a menina. Mas quando chega a vez do garoto, este desamina, "murcha", faz bico e volta a chorar.



A menina não entende chega perto do garoto e pede para que ele "fique feliz. Vamos brincar!". O garoto sorri novamente e eles voltam a brincar. Menina para a esquerda, garoto para a direita. A menina parece apanhar uma bola enorme e joga para o garoto. O garoto vibra, consegue agarrar a bola e devolve o arremesso para a menina. Ela corre pega a bola e devolve, jogando a . Novamente o garoto apanha a bola, mas desta vez ela pára. Olha a bola em suas mãos. Coloca no chão. Desfaz o sorriso, "murcha" de novo e volta ao centro triste e choramingando.



A menina não entende. Corre para o garoto e pergunta gesticulando "O que houve? O que há com você?".



O garoto triste, aponta para o seu coração. Faz sinal de que cheira mal. A menina acena "Cheira mal?". O garoto concorda.



Ela cheira o coração do garoto, faz cara de desagrado "É, realmente, cheira mal!". O garoto se mostra mais triste ainda.



A menina gesticula então dizendo que ia orar a Deus para que ele ficasse feliz. O garoto anima-se e observa a menina dobrar seus joelhos e "pedir a papai do céu" alegrar ser amiguinho. O garoto fica feliz, mas pouco depois dela se levantar ele novamente "murcha".



A menina diz então que ele é que precisa orar. E então os dois juntos dobram seus joelhos e oram. Agora o garoto se levanta feliz, inverte o seu coração de feltro colado em seu peito que passa a ser alvo como a neve.



Os dois se abraçam e saem correndo, ambos sorridentes para brincar!

Leilão de uma alma

Teatro por Grupo Teatral Evangelizarte em 02/02/2006

LEILOEIRO – SENHORAS E SENHORES, VAMOS DAR INÍCIO A MAIS UM LEILÃO DE ALMAS. NO PRIMEIRO LOTE, NÓS TEMOS UMA PEÇA RARA E DE GRANDE VALOR. ESSA ALMA PERTENCE A UMA PESSOA COMUM, COMO EU E VOCÊ, MAS NÃO SE ENGANE, POR TRAZ DE UMA PESSOA COMUM, INDEPENDENTE DELA SER UM GRANDE EMPRESÁRIO OU UM MÍSERO MENDINGO, EXISTE UMA ALMA DE VALOR INESTIMÁVEL, COMO ESSA! SEM DUVIDA É UMA PEÇA DE COLECIONADOR, PARA AS PESSOAS DE FINO TRATO E MUITÍSSIMO BOM GOSTO. AQUELE QUE ARREMATÁ-LA NÃO IRÁ SE ARREPENDER, POIS ESSA ALMA ALÉM DE NÃO SE DESVALORIZAR, É ETERNA! MUITO BEM, ALGUÉM GOSTARIA DE SE ARRISCAR A DAR O PRIMEIRO LANCE? ALGUÉM SE HABILITA?



BEBIDA – EU!



LEILOEIRO – E QUEM É VOCÊ, E QUAL É O SEU LANCE?



BEBIDA – EU SOU A BEBIDA, E TENHO A OFERECER A ESSA ALMA, A ALEGRIA DE UM COPO.



LEILOEIRO – MAIS ISSO É MUITO POUCO POR UMA PEÇA TÃO VALIOSA, VOCÊ NÃO TEM MAIS NADA A OFERECER?



BEBIDA – MAIS É CLARO QUE TENHO! O ÁLCOOL É UM DOS MAIORES PRAZERES QUE O SER HUMANO PODE DESEJAR NESSES DIAS DE MISÉRIA. EU FAÇO O HOMEM ESQUECER AS TRISTEZAS, AS DESILUSÕES, AS INSATISFAÇÕES E TUDO QUE O PREOCUPA. QUANDO ELE ESTÁ AFLITO, EU SOU A FUGA, QUANDO HÁ DOR, EU SOU O ALÍVIO, QUANDO HÁ ANGUSTIA, EU SOU A ALEGRIA!



RELIGIÃO – É MENTIRA! VOCÊ TEM DESTRUÍDO FAMÍLIAS, ESPOSAS E MARIDOS TÊM BRIGADO POR SUA CAUSA. AS CRIANÇAS ESTÃO INFELIZES SEM SEUS PAIS NOS FINAIS DE SEMANA, EMBREAGADOS POR VOCÊ, HOMENS ESTÃO MATANDO POR NADA! ENQUANTO OUTROS PERDERAM TUDO QUE TINHAM, GRAÇAS A VOCÊ!



BEBIDA – HEI, PERAÍ! EU NÃO ANDO DE PORTA EM PORTA OFERECENDO MEUS SERVIÇOS! AS PESSOAS É QUE ME PROCURAM, ALIÁS,



SÓ SE LEMBRAM DE MIM QUANDO PRECISAM, QUANDO QUEREM SE ALEGRAR, QUANDO QUEREM UM ALÍVIO, OU QUANDO OS SEUS ORGANISMOS IMPLORAM A MINHA PRESENÇA, VOCÊS DEVERIAM ME DAR UM PRÊMIO PELO BEM QUE EU FAÇO A HUMANIDADE! TÁ PENSANDO QUE É FÁCIL FAZER ALGUÉM ESQUECER SEUS PROBLEMAS? NÃO É FÁCIL NÃO! MAS EU CONSIGO! BEM, PELO AO MENOS POR ALGUM TEMPO...



DINHEIRO - É? MAS E DEPOIS? E QUANDO O EFEITO PASSA? OS PROBLEMAS CONTINUAM LÁ PARA SEREM RESOLVIDOS! NA DESESPERADA BUSCA DE ALÍVIO, AS PESSOAS SE ENTREGAM A VOCÊ DE CORPO E ALMA, E SE ESQUECEM DE VIVER!



BEBIDA – O QUE EU POSSO FAZER SE ELAS NÃO SE CONTENTAM COM O PRIMEIRO GOLE? QUALQUER COISA EM DEMASIA FAZ MAL, E EU NÃO FUJO A REGRA!



LEILOEIRO – É DONA BEBIDA, O SEU LANCE NÃO FOI SUFICIENTE, ALGUÉM DÁ MAIS?



FAMA – EU DOU O LANCE MAIOR!



LEILOEIRO - E OQUE VOCÊ TEM O OFERECER?



FAMA – EU SOU A FAMA, E DOU STATUS AS PESSOAS QUE ME TÊEM. MUITOS ME QUEREM POR PERTO, E ATRAVÉS DE MIM SÃO CONHECIDAS NO MUNDO INTEIRO. EU OFEREÇO A ESSA ALMA, UMA PASSAGEM AO TOPO DA FAMA. VOCÊ TERÁ MUITOS AMIGOS, PUBLICIDADE, SEU ROSTO APARECERÁ EM OUTDOORS, EM CAPA DE REVISTAS! NÃO É QUALQUER UM QUE PODE TER O SEU NOME ESCRITO NO HALL DA FAMA, ALGUNS CHEGAM A VENDER-SE AO DIABO PRÁ ISSO! MAS EU ESTOU AQUI, TE OFERECENDO TUDO ISSO, DE MÃO BEIJADA!



DROGA – AH É? E O QUE VOCÊ ME DIZ DE MARILYN MONROE, QUE NO AUGE DA FAMA SE SUICIDOU? OS FALSOS AMIGOS, AS CAPAS DE REVISTAS, A PUBLICIDADE, NADA DISSO FOI SUFICIENTE PARA ALIVIAR A DOR QUE ELA SENTIA. O QUE ELA PRECISAVA VOCÊ NÃO CONSEGUIU, NEM TEM PRA DAR!



FAMA - ORA, TUDO TEM SEU PREÇO, ELA QUERIA FAMA E EU DEI, SE ELA NÃO FOI CAPAZ DE PAGAR O PREÇO, A CULPA NÃO É MINHA.



LEILOEIRO – SINTO MUITO, MAS VOCÊ ESTA OFERECENDO MUITO POUCO PARA O QUE ELA REALMENTE VALE. ALGUM OUTRO LANCE?



SEXO - EU!



LEILOEIRO – E VOCÊ, QUEM É?



SEXO – E VOCÊ AINDA PERGUNTA? NÃO ESTA VENDO QUE EU SOU O SEXO? EU TENHO A OFERECER A ESTA ALMA, MUITO MAIS DO QUE UMA AVENTURA. POSSO LHE OFERECER OS PRAZERES CARNAIS: LUXÚRIA, ORGIAS E MUITO MAIS! EU DAREI A ELA UMA PASSAGEM PARA UM PARAÍSO DE DELÍCIAS INTERMINÁVEIS, EU A TRANSFORMAREI NUM SEX SIMBOL! ELA SERÁ COBIÇADA POR MUITOS HOMENS, COM SEU CORPO E A MINHA AJUDA, PODERÁ FICAR RICA NUM PISCAR DE OLHOS, UNINDO O ÚTIL AO AGRADÁVEL.



BEBIDA – ESPERA AÍ! A QUEM VOCÊ ESTÁ QUERENDO ENGANAR? TODOS NÓS SABEMOS QUE OS SEUS ADEPTOS SÃO REJEITADOS PELA SOCIEDADE!



SEXO – CRIANÇA... A SOCIEDADE QUE NOS REJEITA, COM SEU DISCURSO MORALISTA, É A MESMA SOCIEDADE QUE NOS USA, EM LARGA ESCALA, ÀS ESCONDIDAS, TOLINHO...



BEBIDA – E O QUE VOCÊ ME DIZ DAS DOENÇAS TRANSMITIDAS POR VOCÊ? MUITAS DAS PESSOAS QUE SE ENTRAGAM A VOCÊ, ACREDITANDO NESSE SEU CONTO DE FADAS, ESTÃO A BEIRA DA MORTE, SENDO CONSUMIDAS PELA AIDS, PEDINDO A DEUS QUE ALGUM CIENTISTA DESCUBRA A CURA PARA ESSE TERRÍVEL MAL.



SEXO – EU UNO O ÚTIL AO AGRADÁVEL, MAS TEM QUE SABER ME USAR, AS PESSOAS QUEREM PRAZER, E O SEXO, E O MELOR QUE EXISTE!



LEILOEIRO – É O SEU LANCE TAMBÉM NÃO FOI SUFICIENTE. ESTA ALMA PRECISA DE ALGO MAIS REAL, E MENOS PERIGOSO. MAIS ALGUÉM QUER SE ARRISCAR?



DINHEIRO – EU SOU O DINHEIRO, E POSSO COMPRAR QUALQUE COISA! COMO A BEBIDA, FAMA, SEXO, E TUDO MAIS QUA ESSA ALMA DESEJAR. QUEM TEM DINHEIRO TEM PODER, E NÃO HÁ NADA MAIS PRAZEROSO DO QUE TER O PODER NAS MÃOS. SER O SENHOR, VER AS PESSOAS AOS SEUS PÉS COMO MÍSEROS MORTAIS, E VOCÊ, SOBERANO, VENERADO COMO UM DEUS!



DROGA – QUE HISTÓRIA É ESSA? TODO MUNDO SABE QUE O DINHEIRO NÃO PODE COMPRAR FELICIDADE! QUANTAS PESSOAS SE JOGAM DO ALTO DE SUAS LUXUOSAS COBERTURAS PARA A MORTE? O QUE AS LEVOU A FAZER ISSO? O QUE LHES FALTAVA? GARANTO QUE NÃO ERA DINHEIRO! E QUANTO AO PODER? O PODER CORROMPE, ENLOUQUECE, COMO MONSTROS.



LEILOEIRO - POR FAVOR, MANTENHAM A CALMA! O SENHOR ME DESCULPE, MAS O SEU LANCE NÃO FOI SATISFATÓRIO. ALGUM LANCE MAIOR?



DROGA – O MEU LANCE É MAIOR! ESSA ALMA PRECISA DE LIBERADE, CONHECER OUTROS MUNDOS, ELA ESTA PRECISANDO RESPIRAR OUTROS ARES! E NADA MELHOR DO QUE EU, COMO PASSAPORTE PARA ESSA VIAGEM.



LEILOEIRO – E QUEM É VOCÊ? ALGUM AGENTE DE VIAGEM?



DROGA – DE CERTA FORMA! MEU NOME É DROGA, MAS MUITOS ME CONHECEM COMO COCAÍNA, COLA, CRACK, ÊXTASE, MACONHA E POR AÍ AFORA. MAS ISTO NÃO IMPORTA, O IMPORTANTE É QUE EU TENHO A OFERECER A ESSA ALMA, UMA VIAGEM DO DESCONHECIDO, ELA VAI SE SENTIR CAPAZ DE QUALQUER COISA, VAI TER CORAGEM PARA TUDO! E PARA ESSA VIAGEM, NADA MELHOR QUE UM PICOZINHO NA VEIA, OU UM POZINHO PARA ABRIR SEUS HORIZONTES.



SEXO – DEIXA DE MENTIRAS! VOCÊ SÓ PRODUZ FRACASSADOS, DEPOIS QUE O SEU EFEITO PASSA, AS PESSOAS CAEM NUM VAZIO TÃO GRANDE QUE A ÚNICA COISA QUE ELAS QUEREM VER PELA FRENTE É MAIS UMA DOSE, E NÃO SE DÁ CONTA DE QUE ELAS AO INVÉS DE DIMINUIR, ESSE VAZIO SÓ AUMENTA. VOCÊ APRISIONA AS PESSOAS DE UMA TAL FORMA, QUE ELAS SÃO CAPAZES DE FAZER QUALQUER LOUCURA POR MAIS UMA DOSE.



DROGA – MAS O QUE É ISTO? A CADA DIA QUE PASSA, MAIS E MAIS PESSOAS ESTÃO SE UNINDO EM FAVOR DA LAGALIZAÇÃO DO MEU USO. E NÃO SÃO SÓ OS JOVENS, MUITA GENTE DE NOME E DA SOCIEFADE ME USA COM A MAIOR NATURALIDADE, E VOCÊ AINDA QUE FAZER PARTE DO TIME DO CONTRA? SE AS PESSOAS ME PROCURAM TANTO, É PORQUE ALGUMA COISA DE BOM EU DEVO TER!



SEXO – VOCÊ SÓ PROPORCIONA VIAGENS SEM VOLTA! O QUE VOCÊ ME DIZ DO ELVIS PRESLEY? ELE TINHA TUDO O QUE QUERIA, FOI SÓ UM POUQUINHO ALÉM DA CONTA, E FOI FATAL! VOCÊ ACABOU COM A VIDA DELE, E TODAS AS PESSOAS QUE SE PRENDEM A VOCÊ TEM O MESMO DESTINO.



LEILOEIRO - É VERDADE! SEU LANCE FICOU MUITO ALÉM DO NECESSÁRIO. SERÁ QUE NINGUÉM VAI CONSEGUIR DAR UM LANCE CAPAZ DE ARREMATAR ESSA ALMA?



RELIGIÃO – EU DOU O LANCE MAIOR!



LEILOEIRO – E O QUE VOCÊ TEM A OFERECER A ESTA ALMA?



RELIGIÃO – BOM, PARA INÍCIO DE CONVERSA, EU SOU A RELIGIÃO, E A MINHA OFERTA É DAR A ESSA ALMA TÃO PRECIOSA, UM ESPÍRITO MAIS ELEVADO, TRANSFORMÁ-LA EM UM ESPÍRITO DE LUZ, PARA QUE ELA POSSA GUIAR OUTRAS ALMAS, MENOS ILUMINADAS, PARA O CAMINHO. SABE, TODA RELIGIÃO É BOA, ALGUMA MAIS LIBERAL, OUTRA MAIS FECHADA, MAS TODAS SÃO BOAS. NÃO IMPORTA A QUE RELIGIÃO VOCÊ PERTENCE, O IMPORTA É QUE VOCÊ ESTEJA LIGADA A ALGUMA. PORQUE SÓ A RELIGIÃO PODE SALVAR O HOMEM, ELEVAR O SEU ESPÍRITO ATÉ DEUS. NÃO IMPORTA QUAL. AFINAL, TODOS OS CAMINHO LEVAM A VENDA! NÃO É VERDADE?



DINHEIRO – MAS SE TODA RELIGIÃO É BOA, E SE TODOS OS CAMINHOS LEVAM A DEUS, O BRASIL, POR TER MUITAS RELIGIÕES, DEVERIA SER O PAÍS MAIS ABENÇOADO DO MUNDO, E NO ENTANTO O QUE SE VÊ É DOR, SOFRIMENTO, VIOLÊNCIA, MORTE! COMO VOCÊ EXPLICA ISSO?



RELIGIÃO – ORA, CADA UM TEM A SUA MISSÃO, TEM O SEU DESTINO, UM NASCE PARA SOFRER, ENQUANTO O OUTRO RI. SE VOCÊ FAZ COISAS BOAS, VOCÊ RECEBE COISAS BOAS, MAS DE VOCÊ CULTIVA PENSAMENTOS NEGATIVOS E ATITUDES NEGATIVAS, VOCÊ VAI RECEBER COISAS MÁS! É A LEI DA AÇÃO E REAÇÃO! A RELIGIÃO TEM O PODER DE ESTIMULAR O INDIVÍDUO A PRÁTICA DE BOAS AÇÕES, CARIDADE PARA QUE O SEU ESPÍRITO POSSA CHEGAR AO GRAU MÁXIMO DE EVOLUÇÃO! E O QUE É MELHOR, EM ALGUMAS RELIGÕES, VOCÊ VAI PODER ELEVAR O SEU ESPÍRITO ATÉ O SUPREMO ARQUITETO, E AINDA, VAI APRENDER A USUFRUIR, COM MODERAÇÃO, É CLARO, DOS PRAZERES DA VIDA: A BEBIDA, O DINHEIRO, O SEXO, A FAMA, E ATÉ O VÍCIO, E PORQUE NÃO? SÓ A RELIGIÃO PODE LIBERTAR O HOMEM!



FAMA – MAS O QUE É ISSO? VOCÊ CAIU EM CONTRADIÇÃO! COMO PODE A RELIGIÃO LIBERTAR O HOMEM, SER A ÚNICA MANEIRA DE SALVAR A SUA ALMA, SE A RELIGIÃO OS APRISIONAM? COMO ALGUÉM PODE SER LIVRE, SE ESTIVER PRESO AO DINHEIRO, AO SEXO, AS DROGAS E A TODAS ESSAS COISAS QUE SÓ SERVEM PARA DESTRUIR SUA VIDA? NÃO ESTOU DIZENDO QUE TODAS ESSAS RELIGIÕES SEJAM ASSIM, MAS UMA RELIGIÃO COMO A QUE VOCÊ APRESENTOU NÃO PODE SER BOA PARA NINGUÉM! E MUITO MENOS PODERÁ APROXIMAR ALGUÉM DE DEUS!



LEILOEIRO – ELE TEM RAZÃO! SEU LANCE FOI MUITO ABAIXO DO VERDADEIRO VALOR DESSA ALMA! ALIÁS, NEM SE JUNTÁSSEMOS OS LANCES DA BEBIDA, DA FAMA, DO SEXO, DO DINHEIRO, DAS DROGAS E DA RELIGIÃO, AINDA ASSIM, NÃO SERIA SUFICIENTE PARA PAGAR POR ELA! ESSA ALMA ESTÁ MUITO ALÉM DE SUAS POSSES. PARA ARREMATAR ESSA ALMA, É NECESSÁRIO PAGAR UM ALTÍSSIMO PREÇO, E REALMENTE, NÃO ACREDITO QUE TENHA ALGUÉM AQUI QUE POSSA PAGÁ-LO! FICA NO AR A PERGUNTA: QUEM PODERÁ PAGAR O PREÇO JUSTO POR ESSA ALMA? QUEM PODERÁ PAGAR O PREÇO?



CRISTÃO - O PREÇO JÁ ESTÁ PAGO! JESUS MORREU NA CRUZ POR ESTA ALMA! E HOJE ELE QUER TE LIBERTAR! VOCÊ QUER SER LIVRE?



(O CRISTÃO CONTINUA COM UMA PREGAÇÃO...).

O CARRO

Teatro por Teatro Cristão em 17/05/2006


Personagens: Narrador – Pai – Filho - Mãe



Narrador: Era uma vez um rapaz que ia muito mal na escola. Sua notas e comportamento eram uma decepção para seus pais que, como bons cristãos, sonhavam em vê-lo formado e bem sucedido. Um belo dia, o bom pai lhe propôs um acordo:



Pai – Sabe meu filho tem uma proposta para você.



Filho – Qual pai!



Pai – Bom como você esta mal nos estudos eu vou fazer o seguinte: Se você, meu filho, mudar o comportamento, se dedicar aos estudos e conseguir ser aprovado no vestibular para a Faculdade de Medicina, lhe darei então um carro de presente.



Filho – Esta feito o trato, vou mostrá-lo do que sou capaz.



Narrador: Por causa do carro, o rapaz mudou da água para o vinho. Passou a estudar como nunca e a ter um comportamento exemplar. O pai estava feliz, mas tinha uma preocupação.



Pai – è meu filho mudou completamente, é uma pena que essa mudança não é fruto de uma conversão sincera, mas apenas do interesse em obter o automóvel. Isso era mau!



Narrador: O rapaz seguia os estudos e aguardava o resultado de seus esforços. Assim, o grande dia chegou!



Filho: Pai, veja aqui esta o resultado do meu exame para o curso de Medicina e veja o senhor mesmo com os seus próprios olhos, eu fui aprovado...



Pai: Meus parabéns meu filho, você mostrou que é um jovem que consegue aquilo que quer, parabéns mesmo, vou reunir nossos familiares e amigos para lhe entregar o seu presente e dar as boas novas.



Narrador: Como havia prometido, o pai convidou a família e os amigos para uma festa de comemoração. O rapaz tinha por certo que na festa o pai lhe daria o automóvel. Quando seu pai pediu a palavra:



Pai – Amigos e familiares, meu filho esta super feliz, pela aprovação no curso de Medicina, ele que se esforçou tanto para conseguir tal ato, e como prova disso eu lhe entrego esse super presente.



Narrador: O pai então lhe entregou uma caixa de presente. Crendo que ali estavam as chaves do carro, o rapaz abriu emocionado o pacote. Para sua surpresa era uma Bíblia.



Filho: (fala como se estivesse super decepcionado.) Uma Biblia, adorei o presente papai, vou lê-lo todas as noites.



Narrador: A partir daquele dia, o silêncio e distância separavam pai e filho. O jovem se sentia traído e, agora, lutava para ser independente. Deixou a casa dos pais e foi morar no Campus da Universidade. Raramente mandava notícias à família.



O tempo passou, ele se formou, conseguiu um emprego em um bom hospital e se esqueceu completamente do pai. Todas as tentativas do pai para reatar os laços foram em vão. Até que um dia o velho, muito triste com a situação, adoeceu e não resistiu. Faleceu.



No enterro, a mãe procurou o filho:



Mãe – Meu filho aqui esta o ultimo presente que seu pai lhe deu e você o deixou em cima de sua cama, local que se encontrava até o dia da morte de seu pai.



Filho – Obrigado mãe...



Narrador: De volta à sua casa, o rapaz, que nunca perdoara o pai, quando colocou o livro numa estante, notou que havia um envelope dentro dele. Ao abri-lo, encontrou uma carta e um cheque. A carta dizia:



(Voz do Pai)- Meu querido filho, sei o quanto você deseja ter um carro. Eu prometi e aqui está o cheque para que você escolha aquele que mais lhe agradar. No entanto, fiz questão de lhe dar um presente ainda melhor: a Bíblia Sagrada. Nela aprenderás o Amor a Deus e a fazer o bem, não pelo prazer da recompensa, mas pela gratidão e pelo dever de consciência.



Narrador: Corroído de remorso, o filho caiu em profundo pranto. Como é triste a vida dos que não sabem perdoar. Isso leva a erros terríveis e a um fim ainda pior. Antes que seja tarde, perdoe aquele a quem você pensa ter lhe feito mal. Talvez se olhar com cuidado, verá que há também um "cheque escondido" em todas as adversidades da vida.

fonte: links de Jesus

Teatro Não Toque

Uma cadeira está no meio da praça com um cartaz pendurado nela dizendo: "NÃO TOQUE".



O Mímico curioso que por acaso passava pelo local percebe a cadeira e se aproxima. Rodando em torno da cadeira ele tenta entender o que há de errado com ela. Sem chegar a conclusão alguma, o curioso passa a frente da cadeira e olha para a esquerda e para a direita, observando se ninguém aparece.



Vendo que "a barra estava limpa", o curioso pega o cartaz (disfarçando e cheio de confiança) e o joga no chão, desprezando-o. Enquanto olhava para o cartaz no chão, o curioso sem perceber apoia-se na cadeira.



Após achar graça do cartaz caído no chão, o mímico percebe ao tentar ir embora, que sua mão ficou colada na cadeira (a mão e a cadeira permanecem imóveis embora o curioso esforce-se em descola-la). Neste instante, outro mímico, o amigo, passa pela frente da cadeira com o curioso colado. Imediatamente o curioso disfarça, acenando para o amigo que então continua seu passeio. Após o amigo se afastar o curioso começa a ficar impaciente. Ele coloca a outra mão no acento da cadeira para tentar descolar a primeira. Então percebe que sua segunda mão fica colada também. Faz força, levanta a cadeira, sacode, e imediatamente disfarça quando percebe que o amigo se aproxima novamente. O curioso sorri sem graça e finge estar fazendo exercícios.



O amigo acha estranho, mas depois olha para a platéia e elogia o curioso. Faz sinal de aprovação e continua seu passeio. Tão logo o amigo se distancia, o curioso recomeça a tentar se descolar. Ele está realmente nervoso agora. Joga a cadeira para um lado, joga para o outro, coloca o pé no acento para se apoiar mas o pé escorrega e ele acaba sentando na cadeira, totalmente colado agora.



Enquanto o curioso se sacode, o amigo se aproxima, estranhando a situação. Desta vez o curioso não perceba a aproximação do amigo, e não disfarça. O amigo começa a perceber o que está acontecendo. Encontra o cartaz caído no chão e entende a situação.



Mostra o cartaz "NÃO TOQUE" para a platéia fazendo cara de quem diz: "agora estou entendendo...".



O amigo então se propõe a ajudar o curioso. Ele explica que vai orar a Deus para que Ele o descole da cadeira. O curioso que continua com uma cara de revoltado com a situação, não faz muita fé na eficiência da oração do amigo que mesmo assim não desiste. Dobra os joelhos e ora com um rosto que demonstra sinceridade, simplicidade e fé.



Enquanto isso o curioso que estava olhando a oração com cara de revoltado, descola-se completamente.



Surpreso, o curioso se levanta com o rosto alegre e festeja com seu amigo. O amigo então pega o cartaz e entrega para o curioso que aceita de boa vontade o mesmo. O curioso coloca então o cartaz de volta na cadeira.



O amigo concorda com o curioso, o amigo pega o cartaz "NÃO TOQUE" que esta colocado na cadeira, e vira o cartaz que agora diz: "PECADO".


Fonte: Links de Jesus

Campanha para montar um cd com corinhos para EBD

Queridos irmãos,
Nesse mês de setembro voltei atrabalhar com a classe do maternal na Escola Bíblica Dominical e fiquei muito surpresa ao perceber que as crianças não conhecem nenhum coriro, nem o mais simples, como "sou uma florzinha de Jesus".
Observei ainda que a maioria dos professores também não conhecem muitos corinhos.
Sabendo que é fundamental o uso de canticos nas aulas, principalmente entre as crianças menores, estou criando um projeto com algumas das minhas crianças, onde temos o objetivo de montar um cd, só com voz e violão com com corinhos, para serem utilizados pelos professores.
Meu objetivo é não só transmitir para os meus professores, mas para o maior número de professores infantis que eu conseguir, além disso estou preparando uma oficina de Canticos Infantis, que em breve estarei duvulgando.
Gostaria da ajuda de todos vocês me enviando o maior número possível de corinhos.
Não precisa ser de cds,  Vocês memesmos podem gravar em aparelhos de MP3 ou MP4 e me enviar por email, que os arranjos nós fazemos aqui, só precisamos do ritimo de cada corinho.
Vamos todos cooperar para produzir um material que será de grande utilidade para todos nós.
OBS: Esse material não será vendido, apenas divulgado via internet ou em cd para aqueles que tiverem interesse e fará parte de uma oficina que pretendo ministar sobre canticos Infantis.
Conto com a colaboração de todos.
Fiquem na Paz!

Apostila com corinhos para EBD

Fotorkut

Queridos, a professora Michele criou uma apostila com mais ou menos 100 corinhos para cantar na EBD, vala a pena conferir.
http://criandoetrocandoideias.blogspot.com/search/label/c%C3%A2nticos%20infantis

quinta-feira, 2 de setembro de 2010

Avental da História "A alegoria das ferramentas"

Encontrei essa idéia no blog Cantinho lúdico da Greice Amorim e achei bem legal, pois essa é uma história que eu amo contar, inclusive já postei ela aqui: http://educadorescristaos.blogspot.com/2008/01/histria-alegoria-das-ferramentas.html

Outra idéias para reciclar Cds


Fonte: http://cantinhoalternativo.blogspot.com/2010/08/fantoche-de-eva-e-cds.html

Fantoche de Cd

Fonte: Revista do Professor Sassá Ano II, Nº 26. Ed. Minuano.

Essa idéia muito legal encontrei no "Cantinho Alternativo"


http://cantinhoalternativo.blogspot.com/2010/08/fantoche-de-eva-e-cds.html